• Hospital Sugisawa

Mitos de inverno: entenda o que é verdade ou não sobre as doenças mais comuns da estação


O inverno chegou e com ele surge a preocupação a respeito das doenças típicas da estação. Mas, segundo a Chefe do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Sugisawa, Dra Flávia Gomide, alguns pensamentos sobre as doenças comuns do inverno, como a gripe, são mitos.


Confira abaixo alguns deles:


“Se pegar friagem, ficará com gripe.”

Este é um pensamento comum para muitas pessoas. Segundo a Dra. Flávia Gomide, os vírus realmente sobrevivem melhor em ambientes frios e úmidos, mas o frio isoladamente não basta. Para pegar a gripe, é necessário ter contato com o vírus Influenza – o que geralmente acontece quando levamos nossa própria mão contaminada ao rosto. Portanto, apesar do frio, existem maneiras de se cuidar para evitar a gripe. Manter as mãos sempre limpas e evitar ambientes fechados são algumas dicas.


“É possível tratar a gripe com Vitamina C”

Apesar de melhorar nosso sistema imunológico, a Dra. explica que a vitamina C não é capaz de tratar doenças como gripe e resfriado.


“Quem já pegou H1N1 não precisa se vacinar”

Mesmo quem já teve uma infecção confirmada por um tipo de vírus Influenza corre risco de pegar os outros subtipos da doença, como por exemplo o H3N2. Portanto, a vacinação continua sendo indicada!


“É impossível pegar gripe um dia após a vacinação”

Após tomarmos a vacina da gripe, nosso organismo precisa de duas a três semanas para desenvolver os anticorpos necessários para combater a doença. Então, se entrarmos em contato com alguém gripado na semana seguinte à vacina, podemos pegar gripe do mesmo jeito!

“A máscara anti vírus serve apenas para doenças graves”

A máscara anti vírus não serve apenas para pacientes com doenças graves, mas também para pessoas com doenças como gripe. Além disso, quem está usando máscara está fazendo isso para proteger você!

Segundo a Dra. Flávia Gomide, quem está com qualquer sintoma respiratório (não necessariamente gripe) deve seguir a etiqueta da tosse. Ou seja: cobrir a tosse ou o espirro quando ocorrer, usar máscara e higienizar as mãos com álcool gel.

Para evitar pegar a gripe ou outras doenças transmitidas por vírus pelo ar, evite levar as mãos ao rosto e higienize as mãos com álcool gel sempre que tocar superfícies de uso comum, como corrimão, maçanetas, computador e outros.


“Quem tomou vacina no ano anterior não precisa tomar neste ano”

Mesmo quem já tomou a vacina da gripe em anos anteriores deve tomar neste ano. Isso acontece porque o Influenza (vírus causador da gripe) passa por mutações constantemente, se modificando e dando origem a novas combinações virais. Por esse motivo, a cada ano são criadas vacinas diferentes para conter o vírus e evitar novos surtos.


Os principais sintomas da gripe são: febre, calafrios, dores musculares, tosse, congestão, coriza, dores de cabeça e fadiga. Em caso de dúvidas ou suspeitas, consulte um médico!


Para mais informações, entre em contato com nossa Central de Atendimento pelo telefone (41) 3259-6500.

74 visualizações

® Todos os direitos reservados a Hospital Sugisawa. 

  • Facebook
  • Linkedin